top of page

Encontrando Motivação

Encontrar motivação para muitos parece uma tarefa fácil, até mesmo algo sem necessidade, afinal a motivação já está lá. Para mim pelo menos parece que sempre foi assim, até eu encontrar desafios que pareciam impossíveis, e a vontade de desistir, jogar tudo para cima e ir embora, era bem mais tentadora.

A motivação pode ser desde, estudos, ambição, algo que você quer fazer. Mas de onde ela vem? E como se alimenta?


Se formos analisar a semiótica da palavra, muito já conseguimos captar a partir dai:

"...um motivo que leva o indivíduo à ação."



Muito simples, então só precisamos encontrar nossos motivos! Será mesmo?

Vamos trabalhar com exemplos mais concretos para podermos visualizar melhor.

Você quer aprender um novo idioma, mas no momento se encontra sem motivação para estudar, uma situação muito normal. Mas você lembra o motivo pelo qual você sentiu vontade de aprender esse idioma?


Digamos que seja inglês, sua mãe te colocou na escolinha, disse que seria importante. O motivo pelo qual você está aprendendo é de uma terceira pessoa, não é um motivo seu, logo, você se encontra sem motivação para continuar estudando, mesmo sabendo ser algo importante e necessário.


Uma pessoa sem motivação é alguém que está sem um motivo para continuar tentando aquilo que gostaria de tentar, seja por obrigação ou por vontade.

E como resolvemos essa situação? Bom, eu posso te dizer como EU resolvo essa situação, aprender algo por "obrigação" ou por algum motivo que vai além dos meus desejos pessoais.


É fácil procrastinar algo que foge dos seus desejos atuais. Mas o que muitos esquecem de seus desejos e objetivos a longo prazo.


Quando alguém me contacta nas redes sociais e me vê estudando e pergunta "como você encontra motivação para estudar diariamente sem procrastinar?". Primeiramente, isso não quer dizer que eu não procrastine, acho a procrastinação extremamente necessária para nossa saúde mental. Desligar a mente por um período, deixar alguns afazeres de lado, administrar nosso tempo para termos um pouco de procrastinação diária.


Mas assim como o excesso de trabalho, o excesso de procrastinação não é nenhum pouco benéfico. Precisamos sempre fazer as coisas com extrema moderação, trabalho, estudos, lazer. Achar esse ponto de equilíbrio é importante para termos no fim, nossa motivação para seguir.


Entendem como tudo está ligado? Continuando.


Saber administrar nosso tempo e rotina é importante para termos mais clareza dos objetivos e como devemos alcança-los. Por exemplo, seu objetivo de vida e terminar a faculdade e fazer um mestrado fora do país e seguir sua carreira a partir do fim do seu mestrado.


Você não precisa ter clareza de todos os mínimos passos que você precisa dar até lá, o caminho até ele é como uma neblina em uma estrada, você enxerga a luz no fim da estrada, mas não sabe os buracos, pontes e curvas que terá que fazer até lá. Você só consegue ver um pouco a sua frente, e se andar rápido de mais, vai acabar danificando seu carro no caminho.



Então vamos com calma, você tem seu objetivo, você sabe o que você quer, mas ainda não sabe exatamente como fazer, se você quer um mestrado fora do país, provavelmente vai precisar saber inglês, mas você não gosta do inglês, não importa, agora você tem o seu motivo.


Objetivos geram motivos, motivos geram ações para alcança-los, gerando assim, sua motivação para seguir.


"Mas Julia, eu ainda não encontrei meu objetivo de vida!!"


Tudo bem! Não existe idade certa para se decidir, e também não tem problema você simplesmente mudar totalmente seus objetivos de uma hora para outra. Se esse for seu caso, essa é hora de experimentar!


O processo de se encontrar pode ser um pouco chato, frustrante e doloroso, mas existe uma forma de curtir isso. Imagine que você está criando uma receita nova, ainda não tem certeza se vai ser algo doce ou salgado, primeiro você vai ao mercado e vê o que ele tem a te oferecer, você já sabe quais são as comidas que você não come de jeito nenhum, e sabe quais são as que você adora!


Experimente um pouco dessas, misture, prove, teste, se não gostou, joga fora e vai olhar as prateleiras novamente.


O mercado de trabalho não tem esse nome atoa. As profissões estão lá, nas prateleiras, algumas você consegue fazer esse mix, algumas você sabe que não quer mesmo!

Como você pode experimentar? Conversando com as pessoas que já experimentaram e perguntando o que elas acham. Fazendo cursos online, vendo vídeos gratuitos no YouTube. Os recursos estão por aí.


A vida não é preto e branco, já passamos dessa época, agora tudo é colorido, tem sons, tem cheiros, são cores que se misturam e são infinitas possibilidades.



151 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 Comment


Maria Matina
Maria Matina
Mar 13, 2022

Amei!! É isso mesmo Ju, que texto excelente. Obrigada

Like
bottom of page